Pedro Calado destaca importância dos parques empresariais

20 Ago 2019 / 18:19 H.

O vice-presidente do Governo Regional da Madeira visitou, esta terça-feira, a empresa Marverona II Unipessoal, um dos exemplos que demonstra, segundo Pedro Calado, “a importância dos parques empresariais para que várias empresas desenvolvam a sua atividade, num ambiente e em condições adequadas”.

No caso da Marverona II Unipessoal, uma empresa familiar dedicada ao corte e transformação de mármores, a mesma está instalada no Parque Empresarial da Camacha, uma infraestrutura que, de acordo com Pedro Calado, “tem um total de 20 lotes e com uma taxa de ocupação superior a 90% dos 13.504 metros quadrados, que é a área total do parque”.

Em 2012, conforme recordou Pedro Calado, “a Madeira Parques Empresarias construiu, no Parque Empresarial da Camacha, quatro pavilhões, atribuídos em direito de utilização e os restantes lotes atribuídos em regime de direito de superfície”.

Dada a grande procura, o Governo Regional decidiu construir seis novos pavilhões, que já estão em fase de conclusão e já estão todos ocupados, “o que representou um investimento global da Madeira Parques Empresariais na ordem dos 636 mil euros”.

Além da empresa de corte e transformação de mármores, que foi visitada esta tarde pelo vice-presidente do Governo Regional, estão também instaladas no Parque Empresarial da Camacha outras empresas que desenvolvem atividades nas áreas da construção civil, carpintaria, transportes, entre outras.

Durante a visita, Pedro Calado felicitou ainda os empresários pelo seu trabalho e por saberem aproveitar os apoios financeiros que estão disponíveis, lembrando que “existem outros fundos, como o Valorizar 2020, que poderá ser um importante mecanismo de apoio ao investimento, em especial na aquisição de equipamentos inovadores, uma informação que mereceu a atenção dos empresários, que se mostraram interessados em mais este de apoio do Governo Regional e da União Europeia”.

Tópicos

Outras Notícias