País

APAV lança campanha de sensibilização sobre violência 'on-line'

'A violência 'online' é real'
'A violência 'online' é real'

A Associação Portuguesa de Apoio à Vítima assinala o Dia Mundial de Combate ao 'Bullying', que hoje se celebra, com uma nova campanha de sensibilização sobre violência 'online'.

A campanha de sensibilização, que tem como mote "A violência 'online' é real" tem o objetivo de alertar para o aumento dos números da criminalidade neste espaço, particularmente as situações de 'cyberbullying', discurso de ódio e partilha não consentida de imagens.

Segundo a Associação Portuguesa de Apoio à Vítima (APAV), este tipo de criminalidade aumentou a sua expressão em tempos de pandemia, tendo em conta o aumento de tempo que as crianças e jovens passaram 'online'.

Embora não existam dados absolutos relativos a estes fenómenos, principalmente no que diz respeito ao 'cyberbullying', a associação refere em comunicado que é possível afirmar com segurança que as situações se mantiveram ou tiveram tendência para aumentar.

Em 2020, a APAV contabilizou 27 denúncias de 'bullying' e 'cyberbullying', no entanto esses números não correspondem à realidade nacional.

"O número de casos deverá ser superior, pois sabemos que muitas situações não são reportadas. Se por um lado o fenómeno do 'cyberbullying' não foi tão reportado, já os casos de discurso de ódio e de partilha não consentida de imagens aumentaram expressivamente", explica.

A Linha Internet Segura recebeu, por exemplo, em 2020 nove vezes mais denúncias de discurso do ódio 'online' face a 2019 ano em que tinham sido recebidas 24.

Relativamente à partilha não consentida de imagens privadas (ameaças de partilha de fotos, devassa da vida privada, extorsão, etc.) foram feitos 260 contactos quando em 2019 tinham sido apenas 22.

Tendo em conta o crescimento da violência 'online', a APAV considera fundamental divulgar os canais pelos quais se pode obter apoio para as situações de crime ou violência, nomeadamente a Linha Internet Segura que está disponível para apoiar, através do número gratuito 800 21 90 90 (disponível das 08:00 às 22:00) e do email [email protected]

A campanha de sensibilização agora lançada foi desenvolvida criativamente por Filipe Meunier, em parceria com a APAV.