Presidente da Fundação Gala-Salvador Dalí morre aos 89 anos

12 Ago 2017 / 11:39 H.

O presidente da Fundação Gala-Salvador Dalí, Ramon Boixadós Masculino, morreu hoje aos 89 anos, informou num comunicado a própria entidade.

Boixadós, que havia assumido a presidência da organização em 1991, converteu a fundação “ao longo dos anos numa referência mundial em termos de gestão e de defesa do legado” do pintor surrealista espanhol, de acordo com a nota da direcção da Fundação Gala-Salvador Dalí.

A fundação, de acordo com o comunicado, qualificou a morte de Boixadós como uma “perda irreparável”.

Nascido em Figueres (Girona) em 31 de dezembro de 1927, formou-se engenheiro pela Escola Técnica Superior de Engenharia Industrial de Barcelona, tendo ocupado cargos em várias empresas, entre as quais a empresa ferroviária RENFE, da qual foi presidente entre 1983 e 1985, antes de assumir a Fundação Gala-Salvador Dalí