PS defende preservação do Solar de Nossa Senhora da Piedade no Jardim do Mar

10 Nov 2019 / 20:29 H.

Alertar para a necessidade de preservação do Solar de Nossa Senhora da Piedade, no Jardim do Mar, foi o objectivo do sarau cultural promovido hoje pelas Mulheres Socialistas e pelo polo da Madeira do Centro de Literaturas e Culturas Lusófonas – CLEPUL, que teve lugar na igreja matriz daquela freguesia.

Tal como explicou a deputada Luísa Paolinelli, esta iniciativa visou chamar a atenção para o estado de degradação em que se encontra este imóvel, situado no centro da povoação do Jardim do Mar. Trata-se, tal como defendeu, de um imóvel de interesse municipal e que “é necessário preservar”.

“É necessário que haja vontade política para resolver a situação, para se fazer um restauro cuidado e para dar à população aquilo que, no fundo, já lhe pertence”, sustentou a parlamentar, lembrando que o património cultural tem um impacto muito grande nas nossas vidas, não só do ponto de vista da formação da nossa memória e da nossa identidade, mas também do ponto de vista do bem-estar e do ponto de vista económico e social.

Luísa Paolinelli lembrou que este foi um espaço que já foi habitado por figuras ilustres, como a escritora Luzia, bem como a visitante Maria Lamas. Neste sentido, frisou que é necessário que o Governo Regional, com as suas políticas culturais, “consiga uma estratégia de salvamento deste imóvel, porque se está a perder e está em risco de algumas partes ruírem”. “Que tenha uma estratégia para poder devolvê-lo à população e, ao mesmo tempo, criar nele um polo estratégico de desenvolvimento da cultura, com impacto no emprego, impacto social e impacto no capital identitário do Jardim do Mar”, rematou.

A iniciativa contou com as intervenções das deputadas Luísa Paolinelli e Sofia Canha, bem como da investigadora e historiadora Cristina Trindade. Houve ainda lugar à leitura de textos, bem como a música, que ficou a cargo de Humberto Fournier, Joana Pinto e Gualberto Anjo.

A população da freguesia do Jardim do Mar aderiu em grande número, enchendo a igreja local. Na plateia esteve também o deputado Paulo Cafôfo, assim como as deputadas Mafalda Gonçalves e Elisa Seixas, estas últimas responsáveis pelo Departamento de Mulheres Socialistas.

Outras Notícias