Procurador-Geral do Estado espanhol morreu hoje na Argentina

Infecção renal vitimou o magistrado do Supremo Tribunal, José Manuel Maza, que acusou em Outubro os membros do governo da Catalunha de rebelião, sedição e fraude

18 Nov 2017 / 22:52 H.

O Procurador-Geral do Estado espanhol, José Manuel Maza, morreu hoje aos 66 anos em Buenos Aires por causa de complicações decorrentes de uma infeção renal.

José Manuel Maza, que estava em Buenos Aires a participar numa reunião da Associação Ibero-Americana de Ministérios Públicos, foi hospitalizado por se ter sentido mal, acabando por falecer.

O primeiro-ministro espanhol, Mariano Rajoy, lamentou a morte de um magistrado que dedicou, disse, “uma vida de trabalho ao serviço do Estado”, enquanto o ministro da Justiça, Rafael Catalá, recordou o “extraordinário jurista”.

Magistrado do Supremo Tribunal, José Manuel Maza foi nomeado Procurador-Geral do Estado em 2016.

Foi José Manuel Maza que em outubro anunciou a acusação contra os principais membros do governo da Catalunha, incluindo o presidente destituído, Carles Puigdemont, por rebelião, sedição e fraude.

Outras Notícias