CDU defende novo projecto para a Zona Velha do Funchal

12 Ago 2017 / 11:47 H.

Durante a acção de campanha que decorreu ao longo desta manhã na Zona Velha do Funchal, a candidata da CDU, Herlanda Amado, afirmou que “este centro histórico da cidade, tem que ser defendido contando com a participação dos moradores”.

“A falta de um plano estruturado de intervenção para aquela zona histórica da cidade, a degradação a que a maioria dos edifícios tem sido votado ao longo dos últimos anos, o desenraizar da identidade que é tão característica desta zona da Cidade, bem como os problemas de insegurança e as dificuldades de acessos dos meios de socorro, a quem ali reside”, fizeram parte dos problemas colocados pela cabeça de lista da CDU.

“Não se pode propagandear, anunciar e prometer, criando expectativas às pessoas, de que estes problemas serão resolvidos, quando na realidade a postura da Câmara Municipal, tem sido de um total esquecimento dos moradores da Zona Velha. Não se pode confiar o voto, a que trai a confiança das populações”, rematou Herlanda Amado.

Outras Notícias