GNR faz 28 detenções e regista 605 infracções de trânsito em 12 horas em Portugal

15 Jun 2019 / 12:13 H.

A GNR realizou 28 detenções entre as 20:00 de sexta-feira e as 08:00 de hoje em todo o território nacional, período durante o qual registou 605 infrações de trânsito e 34 acidentes que causaram dois mortos.

Em comunicado, a Guarda Nacional Republicana (GNR) destaca 14 detenções por condução sob o efeito do álcool, nove por tráfico de estupefacientes, duas por condução sem carta, uma por passagem de moeda falsa e outra por violência doméstica.

No âmbito das operações que visaram a prevenção e combate à criminalidade violenta e fiscalização rodoviária, a GNR detectou 605 infracções, 196 das quais por excesso de velocidade, 59 por condução com taxa de álcool no sangue superior ao permitido por lei, 41 por infracções do tacógrafo, 36 por falta de inspecção periódica obrigatória, 26 por falta ou uso incorrecto do cinto de segurança e 24 por uso indevido de telemóvel.

Os militares da GNR registaram ainda 20 infracções por falta de seguro, 16 relacionadas com iluminação e sinalização e uma dezena de inflações relacionadas com pneus.

Nestas 12 horas, foram registados 34 acidentes de viação, dos quais resultaram dois mortos e 13 feridos, um deles em estado grave.

Segundo a nota, neste período foram ainda apreendidas 185 doses de haxixe, 50 de cocaína, 12 comprimidos ecstasy, anfetaminas e MDMA.

Outras Notícias