Pedro Calado destaca capacidade de produção da Empresa Insular

13 Ago 2019 / 18:11 H.

O vice-presidente do Governo Regional visitou hoje a Empresa Insular, uma empresa tradicional madeirense, com capitais próprios, situada na Zona Franca Industrial, há 27 anos, que representa um volume de facturação superior a 8 milhões de euros por ano e é responsável pelo abastecimento de 100% da indústria de panificação na Região.

Pedro Calado mostrou-se “satisfeito” com o desenvolvimento desta indústria, mas sobretudo pelo facto de o Governo Regional ter ido “ao encontro de uma das grandes necessidades” no que dis respeito ao apoio à exportação”.

A empresa Insular exporta cerca de 35% da sua produção total (70%) e, apesar de ter um volume de negócios elevado, tem capacidade para crescer se aumentar a quota de mercado em termos nacionais e internacionais. Para isso muito contribui os apoios à exportação. “É isto que temos feito”, revela o governante, salientando que depois de ouvir algumas empresas deste sector, o governo abriu “uma linha de sistema de incentivos no valor de 10 milhões de euros” que tem sido um “importante instrumento” para reduzir custos na exportação dos produtos.

Para Pedro Calado, com a conquista de mais mercado nacional, as empresas baixam custos de produção internos e podem colocar os seus produtos a preços reduzidos no mercado regional, sendo um grande contributo para o crescimento do mercado que “gera mais produção, mais postos de trabalho e mais riqueza no sector económico”, frisa, destacando o “trabalho contínuo” com as empresas regionais, que permite ouvir as suas “dores” e ir ao encontro das suas satisfações.

A visita à Insular insere-se na iniciativa ‘Empresas com proximidade’.

Outras Notícias