Forte dispositivo de segurança na chegada dos reclusos à Madeira

14 Ago 2019 / 14:31 H.

A operação de transferência de 35 reclusos que chegaram à hora do almoço ao Aeroporto da Madeira até ao Estabelecimento Prisional do Funchal (Cancela) foi concretizada em cerca de meia hora, com a segurança a ser garantida por dezenas de agentes da PSP e guardas prisionais.

Conforme o DIÁRIO avançou esta manhã, estes reclusos vieram de várias prisões do continente e pediram a transferência para a cadeia da Madeira. O transporte aéreo foi realizado com recurso a um Hércules C130 da Força Aérea Portuguesa, que estacionou na área mais a leste do Aeroporto da Madeira. Três carrinhas e um miniautocarro entraram na pista e recolheram os reclusos junto à rampa traseira do avião. Seguiram depois em caravana pela via-rápida, com escolta de várias viaturas da PSP, incluindo a da Brigada de Intervenção Rápida (BIR). A chegada à cadeia teve lugar às 13h30.

Tópicos

Outras Notícias