PSD e PS empatados no Funchal

Sondagem dá vantagem de quatro pontos aos social-democratas fora da capital madeirense

19 Set 2019 / 08:30 H.

Se as eleições regionais na Madeira fossem hoje o PSD venceria com o PS por perto, à espreita. As projecções constam do estudo de opinião da Eurosondagem para o DIÁRIO e TSF e apontam para luta renhida até ao fim nestas eleições bipolarizadas.

Os social-democratas conquistam 36% do eleitorado e 19 mandatos. O PS, com 33,6%, alcança 17 ou 18 mandatos. Separados agora por 2,4 pontos percentuais, estes são os únicos partidos que estão em condições de vencer as legislativas regionais marcadas para domingo, embora nenhum atinja a maioria absoluta, o que obrigará a negociações e a coligações. Dados que pode conferir em pormenor na edição impressa de hoje do DIÁRIO.

Contudo, no desdobramento por concelho, mesmo mantendo a tendência global, o estudo de opinião revela oscilações.

Na capital madeirense, há um empate técnico. O PSD conquista 34,2%, abaixo da projecção global e o PS chega aos 34%, acima do valor geral. O CDS atinge os 8%, a CDU chega aos 6% e o BE aos 3,8%, o JPP não passa dos 2% e o PTP tem 0,6%.

Fora do Funchal, a vantagem global do PSD sobre o PS de 2,4 pontos sobe para 4,1 pontos com a projecção a dar 37,3% aos social-democratas e 33,2% aos socialistas. O CDS alcança 8% e o BE 4,1%. A CDU obtém 3,5%, o JPP chega aos 2,9%, enquanto o PTP conquista 0,8%.

Quanto à alínea ‘Outro partido, branco e nulo’, a projecção é 11,4% no Funchal e de 10,2% fora da capital madeirense.

No Funchal, 14,8% ‘não sabe ou não responde’, mais 0,1 pontos do que no resto da Região.

Pode ouvir os comentários e as reacções à sondagem, em directo, esta manhã na rádio TSF, num especial que arranca depois das 10 horas.

Tópicos

Outras Notícias