Projecto ‘Educação para a Segurança e Prevenção de Riscos’ percorre escolas da RAM

23 Mai 2019 / 12:14 H.

A Escola Básica do 1º Ciclo com Pré-escolar Eng. Luís Santos Costa (Machico) foi palco, terça-feira (21 de Maio), de um simulacro de abrigo no âmbito do projecto Educação para a Segurança e Prevenção de Riscos.

A iniciativa – coordenada entre a escola, a Secretaria Regional de Educação, a PSP, o Serviço Regional de Protecção Civil, os Bombeiros e a Câmara Municipal de Machico – tem com o objectivo de testar procedimentos constantes no Plano de Prevenção e Emergência da Escola e tem vindo a ser replicada, ao longo desta semana em várias escolas da RAM, nomeadamente: na EB1/PE da Lourencinha (dia 20), na EB1/PE da Marinheira (dia 21), ambas em Câmara de Lobos, no Instituto para a Qualificação em São Martinho (dia 22).

Esta quinta-feira realiza-se um simulacro no Auxílio Maternal do Funchal.

Embora as situações normalmente treinadas nas escolas sejam os incêndios – que implicam a evacuação do edifício –, a situação simulada em Machico relacionava-se com a existência de um eventual perigo no exterior da escola (neste caso humano, mas poderia ser uma explosão no exterior, um derrame químico, etc.), que implicava o procedimento de abrigo no edifício e protecção de todos os seus ocupantes.

A situação foi desencadeada por uma chamada telefónica da PSP para a escola, informando da existência de um perigo externo nas imediações da escola. Na sequência da chamada, foram activados os procedimentos de abrigo de toda a comunidade escolar presente no edifício, incluindo vários serviços educativos que também ali funcionam, nomeadamente a delegação escolar e ensino especial. Todos os ocupantes que se encontravam no exterior e interior da escola dirigiram-se para o ginásio – ponto de encontro em caso de abrigo –, foram fechadas todas as portas e janelas do edifício, ficando-se então a aguardar novas informações da PSP.

Outras Notícias