Por mar e ar também há números positivos nos transportes

No movimento nos aeroportos, apenas Porto Santo baixou. Nos portos, tanto nos cruzeiros como na linha Madeira-Porto Santo, há crescimento. A carga aérea e marítima também aumentou

13 Set 2019 / 13:36 H.

Além da evolução positiva generalizada nos transportes terrestres na Região Autónoma da Madeira, também o transportes aéreos e marítimos há números positivos na primeira metade de 2019. No caso dos aeroportos, o movimento de passageiros nas duas infra-estruturas aumentou 2,1% face ao período homólogo, e nos portos registou-se um incremento de passageiros nos navios de cruzeiro e na linha Madeira-Porto Santo. Já no movimento de mercadorias também cresceu por mar e ar.

Vamos por partes. Segundo as contas da Direcção Regional de Estatística da Madeira, “nos aeroportos da RAM registaram no 1.º semestre de 2019 um movimento de aproximadamente 1,6 milhões de passageiros, +2,1% que no semestre homólogo”, sendo que “o aeroporto da Madeira teve uma variação homóloga positiva de 2,2%, enquanto no aeroporto do Porto Santo verificou-se uma variação homóloga negativa de 1,9%”, seno esta a única nova negativa neste segmento.

“No domínio dos transportes marítimos, contabilizaram-se no 1.º semestre deste ano 151 navios de cruzeiro entrados nos portos da R. A. Madeira, mais 4 que em igual período do ano transacto, observando-se nos passageiros em trânsito neste tipo de navios um acréscimo de 15,4%”, confirma a DREM os dados que já havíamos noticiado anteriormente. “Nos primeiros seis meses de 2019, o porto do Funchal recebeu 313.221 passageiros em trânsito, a larga maioria (88,5%) dos quais constituída por europeus. As nacionalidades europeias predominantes foram a alemã (47,9% do total, +21,5% que nos primeiros seis meses de 2018), a britânica (23,6% do total, sendo a variação homóloga de -14,6%) e a italiana (quota de 3,3%, +53,2% que em igual período do ano passado). Note-se ainda que o número de norte-americanos que passou pelo Porto do Funchal nos primeiros seis meses de 2019 aumentou 27,5% em termos homólogos, contabilizando-se 18.723 passageiros desta nacionalidade (6,0% do total)”.

Já na “linha Madeira-Porto Santo, o número de passageiros no 1.º semestre do corrente ano aumentou 18,5% comparando com o mesmo período do ano anterior, fixando-se nos 295,7 milhares”, frisa a entidade estatística.

Carga também em grande

“No que diz respeito à carga aérea, observou-se nos aeroportos da R.A. Madeira, no 1.º semestre do ano, um acréscimo tanto nas mercadorias carregadas (+209,9%) como nas mercadorias descarregadas (+5,5%)”, no que podem ser os efeitos do avião-cargueiro, enquanto que “a variação do movimento de mercadorias nos portos da RAM no semestre em referência foi globalmente positiva em comparação com o mesmo período do ano passado (+4,9%). Para esta variação contribuiu o aumento observado no descarregamento (+6,2%) de mercadorias que mais que compensou a quebra nas mercadorias carregadas (-3,6%)”, faz notar.