Paulo Neves acusa presidente da TAP de “mentir descaradamente”

Em causa as declarações de Antonoaldo Neves ao DIÁRIO

14 Dez 2018 / 17:03 H.

“Inaceitável”. É desta forma que o deputado do PSD na Assembleia da República, Paulo Neves, reage às declarações de Antonoaldo Neves, hoje publicadas no DIÁRIO, quando classificou como “fake news” (notícias falsas) as acusações feitas pelos madeirenses de que as tarifas da TAP de e para a Madeira “são abusivamente caras”.

“O senhor Antonoaldo diz mesmo encontrar tarifas a 39 euros e que a tarifa média anda pelos 100. Em primeiro lugar o senhor Antonoaldo tenta, sem qualquer sucesso, continuar a enganar a opinião pública quando junta na média do preço das viagens “residentes” com “turistas”. Mete tudo no mesmo saco, ou seja, na mesma média. Além de mentir descaradamente o senhor Antonoaldo demonstra uma enorme falta de respeito por todos os deputados do Povo Madeirense que tanto na Assembleia da República como na Assembleia Legislativa da Madeira têm denunciado com números e factos o enorme desrespeito da actual administração da TAP em relação à Madeira, seja através dos preços elevadíssimos das tarifas como também do mau serviço da companhia”, escreve Paulo Neves na sua página de Facebook.

O parlamentar refere ainda que Portugal não é um simples nome de um aeroporto. E acrescenta: “É uma Nação com 800 anos de História, duas Regiões Autónomas, uma Comunidade no Mundo e uma posição geoestratégica a defender. Para o senhor Antonoaldo Portugal não passa de uma simples folha de contabilidade. É inaceitável. Não sabe respeitar nem os portugueses nem os Órgãos de Soberania do povo português”.

Tópicos

Outras Notícias