Câmara de Lobos recebe amanhã D. Duarte Pio no âmbito do prémio Infante D. Henrique

A Autarquia celebra amanhã a licença de funcionamento do prémio para que os jovens do concelho de Câmara de Lobos possam participar. A cerimónia será presidida por Dom Duarte Pio, fundador e presidente de Honra do prémio em Portugal.

12 Nov 2019 / 10:31 H.

A Câmara Municipal de Câmara de Lobos celebra, amanhã, dia 13, às 11h30, no Salão Nobre dos Paços do Concelho, a assinatura da licença de funcionamento que autoriza e regula os termos do programa de educação não formal do Prémio Infante D. Henrique, numa cerimónia marcada pela presença do Duque de Bragança, Dom Duarte Pio, fundador e Presidente de Honra deste prémio em Portugal.

O Prémio incentiva a formação ética e cívica dos jovens sendo um complemento à formação académica com benefícios para os jovens em termos de reconhecimento pelas Universidades e pelo Patronato, de entre muitos outros.

A participação dos jovens do concelho de Câmara de Lobos está assegurada, devendo, para tal, desenvolverem 4 secções obrigatórias: Serviço Voluntário onde aprendem a prestar serviço aos outros; Desporto como forma de adquirem um desenvolvimento físico e hábitos desportivos; Talentos com vista à descoberta, aquisição e desenvolvimento de competências e Aventura, onde será privilegiado o trabalho em grupo, a tomada de decisões e onde se destacam qualidades de liderança, responsabilidade e maturidade.

O impacto do Prémio, é bem retratado no filme ‘Skills for the Future’, em que diversos empregadores destacam o Programa, como elemento diferenciador no processo de selecção. O filme está disponível no website do Prémio, em www.premio-idh.com. Pode também ser visualizado através do link https://www.youtube.com/watch?v=QDAG58QXRdM&feature=youtu.be

O Prémio Infante D. Henrique desempenha um “papel cada vais mais relevante como factor diferenciador pelo acréscimo de valor que aporta ao curriculum vitae dos Jovens, enquanto testemunho da sua preparação para os desafios profissionais e pessoais e certificação da aquisição de competências”, refere a autarquia de Câmara de Lobos, salientando que este prémio é a versão portuguesa do ‘The Duke of Edinburgh’s International Award’, fundado em 1956 pelo Duque de Edinburgo.

Em Portugal, o Prémio foi fundado em 1988, no Porto, por Dom Duarte, Duque de Bragança, que para além de Fundador é Presidente de Honra.

O Programa subjacente ao Prémio visa o “desenvolvimento pessoal e social de actividades voluntárias e não competitivas, destinado a jovens entre os 14 e os 25 anos, encorajando-os a desenvolverem-se como cidadãos activos, participativos, com uma contribuição positiva na sociedade e preparando-os com experiências de vida para marcar a diferença com eles próprios, as suas comunidades, e o mundo”, refere nota da Autarquia.

Outras Notícias