Prémios visam estimular leitura inclusiva

18 Mar 2019 / 17:32 H.

A Secretaria Regional de Educação, através da Direcção Regional de Educação (DRE), promove a entrega de prémios relativos à 4.ª edição do Concurso de Literatura Infanto-juvenil Inclusiva Todos Podem Ler, terça-feira (19 de Março), pelas 14 horas, no auditório do Arquivo Regional e Biblioteca Pública da Madeira. Esta iniciativa tem como objectivo de estimular a leitura inclusiva, através da utilização de tecnologias de apoio e livros e outros conteúdos adaptados às necessidades especiais evidenciadas pelos alunos.

O Prémio de literatura Infantojuvenil Inclusiva Todos Podem Ler, criado pela DRE em 2013, tem como objectivo contribuir para a produção e promoção da Literatura Inclusiva, destinada à infância e juventude, através utilização de formatos alternativos, designadamente Braille e/ou relevo, negro ampliado, Símbolos Pictográficos para a Comunicação, Língua Gestual Portuguesa, áudio ou Leitura fácil. Este projecto permite criar espaços mais inclusivos nas bibliotecas escolares que possam disponibilizar Kits de livros e actividades em formatos acessíveis e produtos de apoio à leitura e à escrita (tablets). Esta é uma das formas de promover o desenvolvimento de competências leitoras e outras de promoção da aprendizagem de todos os alunos.

O Prémio consiste na edição digital das obras vencedoras e posterior integração na coleção eBooks-Leitura Inclusiva, disponível no portal da DRE.

O júri desta 4.ª edição, constituído por Maria José Varela Costa, Diretora da Associação Contigo Teatro, Ricardo Lapa, Coordenador de Expressão Plástica da Direção de Serviços de Educação Artística e Multimédia, Glória Josefina Leça Gonçalves, Diretora de Serviços da Direção de Serviços de Educação Especial e Graça Faria, Chefe de Divisão da Divisão de Acessibilidade e Ajudas Técnicas, avaliou duas categorias: Categoria I - Candidatos infantojuvenis: até 16 anos de idade e Categoria II - Candidatos adultos: a partir de 17 anos de idade.

O vencedor na Categoria I foi A Bela Aparecida, com texto original ilustrado e adaptado em Áudio e Negro Ampliado, da autoria de Maria Inês Abreu Correia, Sérgio Alves Teixeira, João Francisco Araújo Faria e Mariana Carlota Sousa, alunos da Escola Básica do 1.º Ciclo com Pré-escolar da Camacha.

O vencedor na Categoria II foi Luna! Outra vez na Lua?!, com texto original ilustrado e adaptado em Áudio e Negro Ampliado, da autoria de Andreia Santos Baptista e Paula Sofia Gonçalves de Faria

Nesta edição, o júri atribuiu ainda 4 menções honrosas, atendendo às características do texto, qualidade de adaptação dos formatos e pertinência do tema:

• Asley, de Martim Ferraz Lopes, Joana Ornelas Silva, Sara Raquel da Silva Sardinha e Celeste Stephane Gonçalves dos Santos, alunos da Escola Básica do 1.º Ciclo com Pré-escolar do Covão.

• O Pássaro que Brilha, de José Lucas Sousa Rufino e Márcia Tatiana da Silva Nóbrega da Escola Básica e Secundária de Machico.

• Magia anda no ar..., de Fernanda Alves Afonso Grieben e Sabrina Sarah Bennegger.

• A Linguagem do Coração, de Sandra Maria Freitas Silva e Susana Fátima Quintal Pereira.

Neste evento será ainda apresentado o eBook “A primeira aventura”, de Beatriz Milho Teixeira, que passará a integrar a colecção “eBooks-leitura inclusiva”, disponível no portal da DRE e em multiplataformas, e inclui actividades lúdico-didáticas interativas: puzzles, sopa de letras, sequências para ordenar, história para ouvir, jogos de associação, quebra de cabeças, jogos de memória. A coleção digital integra 23 títulos. Até ao momento estão registados 14165 downloads através do portal da DRE (1684), da App Store (1465) e da Google Play (11014).

Neste evento estará presente o Director Regional de Educação, Marco Gomes, entre outras entidades.

Outras Notícias