Exposição (da pura visualidade) ou da pintura aumentada de Carlos Valente inaugurada esta sexta-feira

13 Jun 2019 / 10:39 H.

No seguimento do ciclo de exposições temporárias do Museu Henrique e Francisco Franco, que procuram dinamizar um espaço cultural de grande relevância para a memória cultural do modernismo português, inaugura esta sexta-feira, dia 14 de Junho, às 18 horas, a exposição (da pura visualidade) ou da pintura aumentada do artista Carlos Valente.

Segundo o artista, o projecto expositivo consiste na releitura estética da pintura de Henrique Franco, através das teorias da visualidade pura de Riegl e Wolfflin, mediante o uso do vídeo e da fotografia. Trata-se de concentrar o olhar no pormenor e no fragmento, para destacar elementos plástico-formais que considero exemplares para pensar a técnica, o estilo e as opções temáticas do pintor.

A exposição será de entrada gratuita, sendo que pode ser vista, entre as 9h30 e as 18 hioras, de segunda a sexta-feira, até o dia 18 de Julho.

Outras Notícias