Edição comemorativa de “A Menina do Mar” lançada no final do mês em Lisboa

13 Ago 2019 / 05:10 H.

Uma edição comemorativa da obra “A Menina do Mar”, de Sophia de Mello Breyner, com livro, CD e DVD, será lançada a 30 de agosto, em Lisboa, no âmbito do centenário do nascimento da autora.

De acordo com a Valentim de Carvalho, esta edição daquele que foi o primeiro livro infantil de Sophia de Mello Breyner (1919-2004), publicado em 1958, vai ser lançada na Festa do Livro, no Palácio de Belém.

Em 1961, a Valentim de Carvalho lançou a leitura dramatizada do original de “A Menina do Mar”, encenada por Artur Ramos, com interpretações de Eunice Muñoz, Francisca Maria, António David e Luís Horta, e música de Fernando Lopes-Graça.

Este ano, no quadro das comemorações do centenário da escritora, a empresa irá disponibilizar uma edição inédita e única de “A Menina do Mar”, onde ao texto original (sob autorização da Porto Editora) acrescenta nova capa e ilustrações de Beatriz Bagulho, a reedição em CD da leitura de 1961, e o DVD do espetáculo gravado ao vivo no São Luiz Teatro Municipal em fevereiro deste ano, criado por Carla Galvão, Filipe Raposo e Beatriz Bagulho, com música criada por Raposo a partir de música de Bernardo Sassetti.

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, escreve no prefácio da obra: “Diferentes leituras, diferentes gerações e diferentes métodos de revisitar um texto fundador, que está no mar com saudades da terra, na terra com saudades do mar. E que, por artes de fantasia, ou da poesia, faz do rapaz solitário e da menina órfã uma unidade anunciada, forte como um polvo, sábia como um caranguejo e feliz como um peixe”.

A edição estará à venda na Festa do Livro em Belém a partir do dia 30 de agosto, com distribuição para as lojas na semana seguinte, segundo a empresa.

Este ano assinala-se o centenário do nascimento de Sophia de Mello Breyner com uma programação de diversas de atividades que passam pela dança, o cinema, a edição e a reflexão.

As iniciativas começaram em janeiro, no Centro Cultural de Belém, em Lisboa, com o projeto de dança “O Cavaleiro da Dinamarca”, pela Escola de Dança do Conservatório Nacional, a partir de um conto de Sophia para a infância.

As celebrações incluem ainda um colóquio internacional, que decorreu em maio na Fundação Calouste Gulbenkian, e um concerto no Teatro Nacional de São Carlos, no outono, precisamente no dia de aniversário de Sophia, que nasceu no Porto, em 06 de novembro de 1919.

Está previsto ainda um ciclo de cinema na Cinemateca Portuguesa, com filmes que a escritora gostava.

Sophia de Mello Breyner Andresen, considerada um dos nomes maiores da poesia portuguesa do século XX, morreu em 2004, em Lisboa, aos 84 anos.

Tópicos

Outras Notícias