Alunos fecham escola e manifestam-se contra más condições em Torres Vedras

16 Mai 2018 / 11:14 H.

Duzentos alunos manifestaram-se hoje junto à escola EB2,3 da Freiria, em Torres Vedras, contra as más condições do espaço e o atraso das obras, depois de terem fechado o estabelecimento a cadeado durante a madrugada, disse fonte da GNR.

“De madrugada fecharam a escola colocando uma corrente e um cadeado e a GNR foi chamada ao local de manhã para abrir os portões”, disse à agência Lusa Hugo Torrado, comandante do Destacamento da GNR de Torres Vedras, no distrito de Lisboa.

Cerca de duzentos alunos da escola do ensino básico do 2.º e 3.º ciclos concentraram-se de manhã em frente à escola e parte dos manifestantes ainda se encontrava no local pelas 10h40.

Contactada pela Lusa, a direcção do Agrupamento de Escolas de São Gonçalo, a que pertence o estabelecimento, não quis prestar declarações.

Outras Notícias