Miguel Araújo de volta

O músico dá concerto no dia 30 de abril no Clube Naval do Funchal

20 Mar 2017 / 02:00 H.

Diz a cantar que os homens são brutos, são feios, deixam camas por fazer, são pouco astutos. Mas os maridos das outras não. E vai dizê-lo certamente ao vivo para os que o queiram ouvir no concerto que vem dar à Madeira, no próximo dia 30 de Abril. Miguel Araújo é um dos cantautores maiores do panorama musical português da actualidade, com um novo disco a sair e muito sucesso entre as mulheres e não só. O autor de ‘Os Maridos das Outras’ é o artista convidado da festa dos 65 anos do Clube Naval do Funchal. Na Quinta Calaça.

Com Catarina Salinas (Best Youth), Miguel Araújo lançou na semana passada ‘1987’, o single de avanço de ‘Giesta’, o terceiro álbum de originais do músico do Porto. O disco poderá integrar ainda que parcialmente, o espectáculo na sede do Clube Naval, uma vez que vai ser editado dois dias antes. O concerto está limitado a 500 pessoas, os bilhetes serão colocados à venda em breve, podendo o público interessado reservar já pelo número 925970433.

Miguel Araújo terá um Verão ocupado a promover o novo trabalho, digressão com presença garantida a 4 de Novembro no Coliseu do Porto e a 11 no de Lisboa. Antes, em Julho, no dia 16, o músico e compositor actua no MEO Marés Vivas. Foi precisamente o facto de ter uma agenda bastante exigente que motivou a sua saída da banda Os Azeitona, formada em 2002. Em 2012 optou por enveredar também numa carreira a solo, tendo em nome próprio lançado os dois discos anteriores a ‘Giesta: ‘Cinco Dias e Meio’ (2012) e ‘Crónicas da Cidade Grande’ (2014), álbuns que contribuíram para consolidar a qualidade já há muito reconhecida e que o trouxeram à Região em 2016. A isto, juntou-se o projecto com António Zambujo, parceria feliz traduzida em 28 concertos nos coliseus. A saída da banda acabou por ser o caminho escolhido pelo músico, foi anunciada em Outubro do ano passado, já depois de passar em Setembro pelo Festival Meo Sons do Mar, no Parque de Santa Catarina.

‘‘Dona Laura’, ‘Fizz Limão’, ‘Baile Dos Sem-ninguém’ são algumas das músicas que sobressaem na sua carreira a solo, juntamente com o muito rodados ‘Os Maridos das Outras’ e ‘Capitão Fantástico’ e ‘Balada Astral’.

O reconhecimento da qualidade da banda estendeu-se a Miguel Araújo em nome individual. O single de estreia do seu primeiro disco, o dos maridos, foi nomeado para ‘Melhor Canção do Ano’ nos prémios da Sociedade Portuguesa de Autores, nos Globos de Ouro e na gala da RTP dos melhores do ano. Miguel Araújo foi ainda nomeado para ‘Melhor Intérprete Individual’ nos Globos de Ouro. Com o segundo disco, o sucesso repetiu-se, entrou directamente para top de discos do Itunes e ‘Balada Astral’ foi seleccionada na categoria de “Melhor Música” nos Globos de Ouro. Os dois discos foram Discos de Ouro.

O regresso do músico é certamente aguardado. A festa do 65.º aniversário do Clube Naval do Funchal inclui ainda um jantar e após o concerto uma ‘after party’ com um DJ convidado. Todo o programa será apresentado na próxima quinta-feira pela direcção do Clube, numa conferência de imprensa.

O jantar com concerto e festa custa 30 euros para sócios, 40 para o restante público. Se quiser assistir apenas ao concerto e à festa, as entradas custam 15 euros e 20, respectivamente, e apenas para a festa, 5 euros para os sócios e 10 para os outros.