Edgar Silva destaca queda do PSD

As últimas sondagens para as eleições regionais, publicadas pelo DIÁRIO, dão conta de algumas mudanças nos vários partidos regionais. Leia a reacção do CDU

19 Jun 2017 / 21:47 H.

Edgar Silva acredita que as sondagens divulgam informações significantes sobre a actuação dos vários partidos. O líder de bancada do CDU destaca a que considera mais importante: “O mais relevante é o facto do PSD estar em nítida regressão. Há este destaque das tendências de opinião que vão sendo acentuadas”.

Edgar Silva salienta ainda que os sociais-democratas não estão a cumprir o projecto anunciado na campanha eleitoral: “Depois das regionais, cerca de dois anos passados, o PSD confirma uma linha de desilusão ao contrário do tempo novo e de mudança que tinha prometido. Há uma tendência para confirmar a linha do desacreditar”, defende sem deixar de acrescentar: “Tem um reflexo na massa eleitoral, é uma linha de regressão”.

Sobre as autárquicas, o líder lembra que “há candidaturas que ainda não foram lançadas” assim como “ factores por clarificar”. Facto que não o impede de fazer uma leitura sobre as próximas eleições de outubro, apesar de considerar ser cedo para conjecturas: “Há um indicador de possibilidades de crescimento para a CDU, mas só daqui a umas semanas é que será possível fazer uma análise correcta”.

Tópicos

Outras Notícias