Cruz Vermelha anuncia entrada de 24 toneladas de ajuda humanitária na Venezuela

18 Jun 2019 / 11:45 H.

A Cruz Vermelha anunciou hoje a chegada à Venezuela de um segundo carregamento de ajuda humanitária, com 24 toneladas de suprimentos médicos e geradores destinados aos hospitais para apoiá-los na grave crise sanitária que afecta o país.

Em comunicado, a Cruz Vermelha venezuelana explica ter recebido do seu centro logístico no Panamá “medicamentos, equipamentos médicos e geradores” que serão distribuídos pelos hospitais em todo o país.

Seis camiões transportaram a ajuda humanitária para um hangar da Cruz Vermelha em Caracas, constatou um jornalista da AFP.

A Venezuela, país produtor de petróleo, sofre há quatro anos uma crise económica marcada por uma hiperinflação e escassez que afetam sobretudo os alimentos e os medicamentos.

Segundo as Nações Unidas, um quarto dos 30 milhões de habitantes precisam urgentemente de ajuda.

O Presidente da Venezuela, Nicolas Maduro, tinha autorizado a entrada no país de um primeiro carregamento de ajuda a 16 de abril, na sequência de um acordo entre o seu Governo e o Comité Internacional da Cruz Vermelha.

Outras Notícias