Miguel Albuquerque diz que “quem faz progredir os países são os empresários”

02 Out 2019 / 19:00 H.

Miguel Albuquerque foi esta tarde inaugurar o Turim Santa Maria, uma nova unidade hoteleira que nasce em plena Rua João de Deus, no Funchal. O presidente do Governo Regional enalteceu o investimento, que cria cerca de 40 postos de trabalho directos, destacando posteriormente, com base neste novo projecto empreendedor, que “quem faz progredir os países são os empresários”.

“O sucesso dá muito trabalho, mas o sucesso também deriva de um sentido de risco que é inerente aos audazes, ou seja, as nossas sociedades precisam de pessoas que saem da sua zona de conforto e arriscam no investimento, na melhoria das suas perfomances na sua área profissional do turismo e por isso é que sou favorável e advogo que a nossa Região e o nosso país têm de acolher e estimular o sentido de risco e a inovação, porque o pior que pode acontecer numa sociedade conservadora é a acomodação e estigmatizar os investidores quando falham uma vez”, começou por referir Miguel Albuquerque, frisando a “reabilitação de um edifício antigo na baixa do Funchal, um hotel histórico e ligado à história do nosso turismo.

Para o líder do executivo madeirense, a reabilitação do hotel “é muito importante”, desde logo devido à “criação de cerca de 40 postos de trabalho directos”, mas sobretudo porque contribui para “melhorar a nossa principal indústria, que é o turismo”.

“Os hotéis situados na centro da cidade têm tido bastante sucesso. O vosso grupo está a crescer e estamos receptivos a novos investimentos na Madeira. Não criamos obstáculos ao investimento. Estimulamos o empreendedorismo e apoiamos as empresas e os empresários. Entendemos que são os empresários e as empresas que criam riqueza, não o Estado. Quem faz progredir os países são os empresários”, frisou Miguel Albuquerque, não esquecendo o “ambiente favorável ao investimento” na Madeira.

Outras Notícias