Governo madeirense e Ordem entendem-se para a criação da carreira de dentista no SESARAM

19 Jul 2019 / 12:30 H.

É o resultado de um encontro, da manhã de hoje, entre a Secretaria da Saúde e a ordem dos Médicos Dentistas. As duas instituições vão integrar um grupo de trabalho para a criação de uma carreira na área da Medicina Dentária no SESARAM, à semelhança da que existe para os demais médicos. O anúncio foi feito por Pedro Ramos e por Orlando Monteiro da Silva, no final do encontro que os juntou na Secretaria da Saúde.

O despacho de nomeação dos membros grupo vai acontecer na próxima semana, como revelou Pedro Ramos. Há condições, ao que afirmaram o secretário da Saúde e o bastonário da Ordem dos Médicos Dentistas, para avançar de imediato com o trabalho, que deverá conduzir a uma proposta de decreto legislativo regional, para a criação de uma carreira especial de Medicina Dentária.

Essas condições resultam do trabalho, que já existiu, entre o Governo Regional e Gil Alves, que representa a Ordem na Região.

No final do encontro, o secretário da Saúde afirmou a vontade de a Madeira ser, uma vez mais, pioneira na área da saúde oral e avançar para a criação da referida carreira. A nível nacional, houve negociações e entendimento nos últimos dois anos, mas nada foi concretizado. A Região vai usar essa base de trabalho e adaptá-la à realidade madeirense.

Como lembrou Pedro Ramos, a saúde oral nos centros de saúde madeirenses avançou em 1995 e em 2009 na Urgência do Hospital Central.

Outras Notícias