Que diferença

10 Out 2019 / 02:00 H.

    O CDS tanto em Lisboa como na Madeira foi autenticamente varrido do mapa político. As imagens que se viram após os resultados na sede do Caldas com a Dra. Cristas a assumir a derrota e a se demitir chocam de uma maneira terrível com as que presenciámos na noite eleitoral regional. Um bando de meia dúzia de personagens que gritavam vitória só porque o seu Partido apesar do banho eleitoral e de terem perdido milhares de votos (o que significa que os madeirenses não se revêm neles!) poderia ser muleta do PSD... Que tristeza! Ontem ao comentar a saída da Dra. Cristas não ouve ninguém que perguntasse ao Dr. Barreto só isto: mas o que se passou com o CDS Nacional não é idêntico ao que se passou aqui na Madeira? Porque não se demitiu? É por comportamentos destes que cada vez menos os madeirenses acreditam nos políticos. Ver a postura digna da Dra. Cristas e ver o oportunismo bacoco do Dr. Barreto mete dó. Enfim é o que temos. Como querem que acreditemos num Governo com gente deste calibre?

    José Agrela

    Outras Notícias