Desporto

Costinha abre a porta à continuidade no Nacional

Treinador dedicou título a Gris Teixeira e Chico

None

No final do jogo com o Arouca e já com a certeza do título de campeão da II Liga, o treinador do Nacional, Costinha abriu a porta à continuidade no Clube, admitindo ficar satisfeito com o facto da direcção do pensar nessa possibilidade e sobretudo porque se sente feliz no Nacional. “Vamos conversar”, disse.

Visivelmente satisfeito, e numa curta entrevista à Sport TV em que foi interrompido pelos jogadores para festejos, Costinha aproveitou a ocasião para dedicar o título de campeão a todos os nacionalistas, mas sobretudo a dois adeptos que faleceram no decorrer desta época: Gris Teixeira e Chico.

O treinador disse ainda que esta é uma grande equipa e uma direcção que não deixa nada ao acaso. “Estamos todos de parabéns! Fizemos uma grande época”, disse ainda, admitindo que quer ainda mais três pontos no jogo final da temporada.