Derrame de petróleo atingiu 643 áreas no Brasil

Brasil /
18 Nov 2019 / 23:09 H.

O grande derrame de petróleo que atingiu o litoral do Brasil já afetou 643 áreas em nove estados do nordeste do país e também o Espírito Santo, estado localizado na região sudeste, informaram as autoridades do país.

Um relatório divulgado este domingo pelo Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) destacou que 18 localidades ainda têm manchas de petróleo, outras 363 têm fragmentos de óleo e 262 áreas já terão sido limpas.

As autoridades brasileiras determinaram que o petróleo em causa foi extraído de poços venezuelanos, mas o local exato e os responsáveis pelo derrame são desconhecidos, embora investigadores suspeitem da autoria de um navio de bandeira grega, que transportava petróleo venezuelano destinado à Malásia e Singapura.

De acordo com a Marinha brasileira, desde 02 de setembro, data em que o petróleo nas praias foi detetado, militares foram mobilizados para as áreas contaminadas.

As manchas de petróleo no mar e nas praias brasileiras já mataram tartarugas marinhas, pássaros, golfinhos e crustáceos.

Especialistas salientaram que o petróleo nas águas do Atlântico da costa brasileira ameaça espécies animais, algumas delas em risco de extinção como o peixe-boi, e pode contaminar a cadeia alimentar.