MPT desafia Junta de Freguesia do Porto Santo a trazer porto-santenses à Madeira

18 Mai 2019 / 10:25 H.

O MPT Madeira apela ao executivo da Junta de Freguesia do Porto Santo que, a exemplo do que é feito nas Juntas de Freguesia do Funchal, também tragam os porto-santenses ao Funchal através de viagens gratuitas ou por valores simbólicos.

“O MPT alerta que devem ser dadas as mesmas oportunidades aos residentes do Porto Santo, fazendo também uma visita à Ilha da Madeira, pois alguns ainda não tiveram o privilégio de conhecer, ou conhecem, mas ainda não tiveram a chance de fazer uma visita guiada pelos principais pontos de atracção da Ilha da Madeira, sendo que seria um tratamento justo e igual para os habitantes do Porto Santo, que têm os mesmos direitos dos residentes do Funchal”, disse, acrescentando que o partido defende que “não pode haver um tratamento desigual”, até porque “não há madeirenses de primeira e madeirenses de segunda”.

No seu entender, os porto-santenses sofrem de dupla insularidade e estão cada vez mais isolados e abandonados, tendo lamentado que as pessoas só se lembrem do Porto Santo em Agosto, caindo no esquecimento o resto do ano.

“Por isso, achamos que seria uma medida inclusiva e justa para aqueles habitantes que tanto são prejudicados o ano todo e seria uma excelente iniciativa por parte da Junta de Freguesia do Porto Santo fazer o mesmo das Juntas de Freguesia do Funchal e trazer a sua população numa visita à Ilha da Madeira”, concluiu.