Investigadora do Centro de Química da Madeira premiada em simpósio internacional

19 Jul 2019 / 15:02 H.

A investigadora do Centro de Química da Madeira (CQM) e bolseira de pós-doutoramento da ARDITI, Rita Castro foi premiada pelo trabalho “’DNA/PAMAM Dendrimer Films: a Highly Stable Platform for DNA - Intercalating Anticancer Drugs’ no âmbito do 11.º Simpósio Internacional de Dendrímeros – IDS11, que decorreu no Hotel Savoy Palace entre os dias 14 e 18 de Julho.

A investigação da jovem cientista do CQM foi reconhecida no mais importante evento mundial na área dos dendrímeros por uma comissão científica constituída por investigadores seniores de diferentes nacionalidades, a qual seleccionou os três melhores posters de um conjunto de 43 apresentados durante o evento que juntou mais de 120 investigadores de 23 nacionalidades.

O trabalho de Rita Castro, liderado por uma equipa do CQM e em colaboração com o i3S, apresentou a possibilidade de se utilizar um filme à base de DNA e dendrímeros para o tratamento do cancro. Através da abordagem proposta pela investigadora ao IDS11, será possível libertar fármacos anticancerígenos diretamente em células tumorais, dessa forma reduzindo a citotoxicidade e os efeitos secundários associados às terapias convencionais.

Além da investigadora do CQM, durante o 11.º Simpósio Internacional de Dendrímeros – IDS11, foram ainda premiados os trabalhos dos investigadores Nadezhda Knauer da Rússia e Yung Liao de Taiwan.

Outras Notícias