Consolidação de escarpa interrompe trânsito em S. Roque durante três meses

15 Ago 2019 / 10:05 H.

A Câmara Municipal do Funchal (CMF) dará início, na próxima terça-feira, dia 20 de Agosto, à fase final da consolidação da escarpa sobranceira à estrada Comandante Camacho de Freitas, no troço compreendido entre as rotundas da Fundoa e do Encontro, na freguesia de São Roque, ficando o mesmo interrompido ao trânsito nos próximos três meses.

“Nesta zona, serão agora realizados trabalhos de desmatação, desmonte, furação para pregagens, acesso e operação de meios para montagem das barreiras, entre outros, pelo que por questões de segurança rodoviária e pedonal, torna-se necessário interromper a circulação por um prazo de cerca de três meses a partir da próxima semana, assim que estejam concluídas as comemorações em honra do Senhor de São Roque”, explicou o presidente Miguel Silva Gouveia, que visitou o local acompanhado do vereador das Obras, Rúben Abreu.

Trata-se, segundo o autarca, de uma ”importante etapa nos trabalhos de consolidação das escarpas do Funchal, que arrancaram logo após os incêndios do Verão de 2016”.

“Esta é uma intervenção que ascende a um milhão de euros, cofinanciada pelo POSEUR, com previsão de termo para Novembro de 2019”, realça ainda Miguel Silva Gouveia.

“Relativamente às obras que se encontram a decorrer na mesma zona, nomeadamente as obras de substituição das redes de água e saneamento básico no Caminho de São Roque e a intervenção na escarpa sobranceira à Socipamo, entre a Fundoa e o Caminho dos Saltos, o prazo previsto para reabertura destes troços é para Setembro de 2019 e Outubro de 2019, respectivamente, pelo que teremos uma série de intervenções estruturais a serem concluídas nos próximos meses na freguesia de São Roque”, acrescenta o presidente, pedindo ainda “a máxima compreensão a todos os munícipes, nomeadamente aos que utilizam este troço no seu quotidiano, sabendo que no fim destas intervenções, teremos um Funchal mais seguro, na salvaguarda de pessoas e bens”.

Apesar da intervenção, autarquia garante o acesso às residências que se localizam no troço encerrado ao trânsito, sendo que, como alternativa geral, os condutores deverão optar pela Estrada Comandante Camacho de Freitas no sentido este-oeste, pela Rua Dr.º João Abel de Freitas e pelo Caminho do Lombo Segundo.

A CMF informa, ainda, que a carreira n.º 48 da Horários do Funchal, terá as seguintes alterações ao seu percurso, por via desta intervenção:

- No sentido Nazaré/Monte efectua o itinerário normal até São Roque, depois segue pela Estrada Dr. João Abel de Freitas, Viveiros, Rua Padre Mário Casagrande, Rua do Til e Estrada dos Marmeleiros, retomando, a partir da Pedreira, o seu trajecto em direcção ao Monte;

- No sentido Monte/Nazaré efectua o itinerário normal até à Pedreira, depois segue pela Estrada dos Marmeleiros, Rua do Til, Rua Padre Mário Casagrande, Viveiros e Estrada Dr. João Abel de Freitas, retomando o seu trajecto normal a partir de São Roque, em direcção à Nazaré.

$!Consolidação de escarpa interrompe trânsito em S. Roque durante três meses
Outras Notícias