Bispo do Funchal presta homenagem a D. Maurílio Gouveia

19 Mar 2019 / 16:14 H.

O Bispo do Funchal, D. Nuno Brás, presta homenagem ao arcebispo emérito de Évora, D. Maurílio de Gouveia que faleceu hoje no Funchal.

“Esta tarde, por volta das 15 horas, no Eremitério de Maria Serena, em Gaula, depois de uma prolongada doença, o Senhor D. Maurílio de Gouveia faleceu na paz de Jesus”, refere nota da diocese do Funchal assinada pelo Bispo D. Nuno Brás.

D. Maurílio, Arcebispo emérito de Évora, era natural do Funchal e foi ordenado sacerdote em 4 de Junho de 1955. Em 13 de Janeiro de 1974 foi ordenado Bispo Auxiliar de Lisboa, na nossa Catedral. Foi, depois, Arcebispo de Évora (1981-2007).

“Tive oportunidade de visitar várias vezes o Senhor D. Maurílio durante a sua doença, e pude receber o seu testemunho cristão de serenidade e entrega total nas mãos de Deus”, refere D. Nuno Brás que recorda um dos seus últimos escritos, “Rumo ao Céu”: “é uma atitude de lucidez e de esperança. Deus criou-nos por amor infinito para uma eternidade feliz. O Céu é um dom da misericórdia de Jesus”.

“S. José, Patrono da Igreja, homem do silêncio e da fé, quis conduzi-lo até ao Pai, até ao Céu.

Rezemos por este nosso irmão Arcebispo, e peçamos ao Senhor que o acolha na sua misericórdia, na eternidade feliz que ele anunciou e na qual sempre esperou”, refere a mesma nota.