A Arte Nova chega às fachadas dos edifícios aveirenses

Aveiro /
08 Jun 2019 / 00:00 H.

O Dia Mundial da Arte Nova, corrente estética com vários exemplares preservados no edificado aveirense, vai ser assinalado pela Câmara de Aveiro com a projecção de um “videomapping” em algumas das fachadas da cidade.

A projecção ocorre nas noites de sábado, domingo e segunda-feira, às 22:00, com cerca de 20 minutos de duração, inspirada nas várias facetas do movimento Arte Nova.

“Além do grande relevo dado à inspiração no mundo natural, o evento vai resgatar também outras referências deste período, tais como, o ambiente sonoro e elementos relacionados com a fotografia e o cinema que eram invenções muito recentes”, dá conta uma nota de imprensa da autarquia, referente às comemorações que envolvem também a realização de várias actividades de entrada livre, nos três dias, com visitas guiadas, no período da manhã, ao Museu e Roteiro Arte Nova.

Ao fim da tarde de sábado, com repetição no domingo é apresentada a performance “Serpentine”, pela “Muda’te”, Companhia de Artes Performativas da Jobra, seguida pelo espectáculo de humor e magia “El Gran mago Baldiri”.

A interpretação contemporânea baseada na dança Serpentine, desenvolvida pela bailarina Loïe Fuller, por volta de 1890, faz parte do imaginário da Arte Nova com as suas formas sinuosas, tendo servido de fonte de inspiração para vários artistas dessa corrente artística.

Por sua vez, o El Gran Mago Baldiri retira a sua influência também do contexto de 1900, mas desta vez, dos truques de ilusionismo do grande Harry Houdini que capturou a imaginação da sociedade da época.

Devido às várias actividades, os lugares de estacionamento em frente do Museu Arte Nova vão estar interditos, durante os três dias das comemorações, sendo ainda feita a interrupção do trânsito entre as 21:45 e as 22:45 na Rua Barbosa de Magalhães.

Tópicos

Outras Notícias