MUDAS.HOTSummer prossegue, dando palco às artes plásticas e performativas

19 Set 2018 / 15:25 H.

Dando continuidade à programação da II Temporada do MUDAS.HOTSummer, o MUDAS.Museu de Arte Contemporânea da Madeira apresenta, de 22 a 26 de setembro, o projecto C_VIB – Cymatics_Vibrating Interactive Boards (Esculturas Sonoras).

Esta proposta exibe, por um período de quatro dias, uma instalação composta por quatro esculturas (inter)ativas, concebidas por Simão Costa, em que cada peça procura materializar o som, tornando-o palpável e sensível a ser escutado por outros sentidos que não apenas a audição.

No dia 22 de setembro, pelas 21h00, terá lugar uma performance, a cargo do compositor e músico Simão Costa e da bailarina Yola Pinto que, em íntima simbiose com estes objectos escultóricos, apresentam uma proposta que procura extravasar as barreiras físicas do som, explorando-o como mecanismo de potenciação da experiência sensorial.

O som e a dança aliam-se num convite à contemplação interativa, no qual o público será desafiado a ver, ouvir e a tocar o som. É também um espectáculo/concerto performativo protagonizado por uma bailarina e um músico, em torno destas esculturas, que se revelam instrumentos de tocar e dançar.

O programa inclui também acções de caracter pedagógico, sendo que, no dia 24 de setembro, pelas 10h00, haverá lugar a um workshop específico para as Escolas, a cargo dos dois performers.

Simão Costa, músico, performer multimédia, compositor e pianista, foi Bolseiro da Fundação Marquês de Pombal e da Fundação Calouste Gulbenkian, tendo o seu trabalho sido premiado a nível internacional.

Por seu lado, Yola Pinto, é coreógrafa e intérprete no campo da dança contemporânea e integra, desde 2003, o corpo de professores do CEM.

Acresce por fim referir que esta iniciativa - gratuita e apenas sujeita à reserva prévia através do e-mail mudas@madeira.gov.pt - cumpre o calendário daquela que tem sido a excelente e diversificada programação cultural levada a cabo neste espaço, com propostas que têm vindo a cativar e a surpreender o público mas, sobretudo, a confirmar o sucesso da aposta do Governo Regional na maior diversificação, qualificação e atractividade da oferta cultural ao público, associando-a a diferentes expressões artísticas.

Tópicos

Outras Notícias