Passes a 30 e 40 euros à venda a partir de Março

“Temos tudo preparado para que em Março as pessoas possam ir aos operadores e fazer a compra dos seus passes sociais”, garante Calado

22 Fev 2019 / 17:30 H.

“Temos tudo preparado para que em Março as pessoas possam ir aos operadores e fazer a compra dos seus passes sociais já com os preços que nós nos propusemos”, disse Pedro Calado, vice-presidente do Governo Regional.

O governante afirmou que estas são medidas que não se conseguem operacionalizar de um dia para o outro, mas garantiu que está tudo a ser feito, de forma a que em Março as pessoas possam fazer a aquisição dos seus passes nas respectivas operadoras.

“A partir dos dias 20, 22 de Março as pessoas já vão sentir essa grande diferença quando forem adquirir os passes”, frisou.

Recorde-se que o passe urbano passa a 30 euros e o passe inter-urbano terá o custo de 40 euros, sendo gratuito para os jovens até aos 12 anos.

Pedro Calado referiu que isto obriga a que seja feita uma portaria do Governo Regional, com todas as regras de procedimentos, e contamos levá-la à reunião de Conselho de Governo, no próximo dia 28 de Fevereiro, para depois ser feita a contratualização com todos os operadores, cujos contratos têm de ser submetidos a aviso prévio do Tribunal de Contas.

Pedro Calado, que visitou hoje a Uaucacau, no Funchal, disse que esta empresa de chocolate é “um caso de sucesso”, tendo os seus empreendedores pensado “fora da caixa”.

Outras Notícias