Avião da Easyjet não consegue aterrar e volta a Lisboa

Rajadas de 99 km/h continuam a condicionar o aeroporto

05 Dez 2019 / 08:47 H.

O avião da Easyjet proveniente de Lisboa acabou por regressar à origem, depois de não ter conseguido aterrar esta manhã no Aeroporto Internacional da Madeira, onde foram registadas na última hora rajadas de 99 km/h. O vento médio ultrapassou os 50 km/h o que tem complicado a operação e levou ao cancelamento de duas dezenas de voos.

O EC 7601 estava previsto aterrar às 8h50. Não chegou a pisar a pista, tendo optado por voltar para Lisboa com os passageiros a bordo. Porque a aeronave não chegou, fica cancelado o voo com origem na Madeira e destino a capital previsto para as 9h20.

Apesar do aviso laranja de mau tempo devido ao vento emitido pelo Instituto Português do mar e da Atmosfera, a companhia optou por fazer a viagem na tentativa de trazer os passageiros até ao destino, ao contrário da TAP que cancelou logo os voos.