Petit garante foco na vitória para distanciar-se da zona de despromoção

08 Fev 2019 / 14:07 H.

O treinador do Marítimo, Petit, destacou hoje a importância de ganhar ao Desportivo de Aves no sábado, em encontro da 21.ª jornada da I Liga portuguesa de futebol, para se distanciar dos lugares de despromoção.

O Marítimo tem apenas dois pontos de avanço sobre o conjunto avense, a primeira equipa abaixo da ‘linha de água’.

“Do último lugar ao décimo, a diferença não é muita, por isso, todos os jogos e todos os pontos são importantes. O nosso foco é lutar sempre pelos três pontos e estamos concentrados nisso. O adversário está a dois pontos de nós e queremos olhar para cima e não para baixo. Temos uma boa oportunidade e temos de o demonstrar durante os 90 minutos”, salientou, em conferência de imprensa.

Mesmo com os dois desaires sofridos nas duas jornadas anteriores, Petit está confiante de que os seus jogadores estão à altura para dar uma resposta cabal.

“Depois destes dois resultados, que não eram os que queríamos, a equipa trabalhou e vamos estar preparados para amanhã [sábado] fazer um grande jogo. O nosso foco está no que podemos fazer e no que temos de fazer e, nesse sentido, queremos dar uma boa resposta”, assegurou.

Do outro lado, o Desportivo das Aves teve uma reacção positiva com a chegada de Augusto Inácio ao comando técnico, com dois triunfos, embora tenha perdido na ronda anterior, frente ao Sporting de Braga (2-0), e Petit abordou o esquema táctico do adversário.

“É uma equipa que tem variado o seu sistema. Neste momento, está a jogar com três centrais, dois laterais bem abertos, um duplo pivot, dois jogadores rápidos na frente e o Derley. Também pode surgir em 4-2-3-1.

Trabalhámos esses sistemas ao longo destes dias e os jogadores sabem o que têm de fazer”, comentou.

Petit admitiu a possibilidade de fazer estrear mais algum dos reforços de janeiro, após Getterson ter feito os primeiros minutos com a camisola do Marítimo na última jornada, e falou sobre Jean Cléber, que não tem treinado, e se o médio brasileiro está sob alçada disciplinar do clube madeirense.

“O Jean Cléber está a tratar de assuntos pessoais e, a partir daí, não cabe à equipa técnica decidir”, respondeu.

O Marítimo, 13.º classificado, com 20 pontos, recebe o Desportivo das Aves, 16.º e antepenúltimo, com 18, no sábado, com o apito inicial marcado para as 15h30.