Sismo fez colapsar hotel e deixou pessoas encarceradas em Taiwan

Taiwan /
06 Fev 2018 / 18:16 H.

Um sismo de magnitude 6,4 na escala de Richter que hoje atingiu Taiwan fez colapsar um hotel, havendo dezenas de pessoas encarceradas, indicaram as autoridades daquele território insular, citadas pelas agências internacionais.

Segundo a agência noticiosa espanhola EFE, as autoridades de Taiwan informaram que o sismo provocou sérios danos em edifícios e infra-estruturas na cidade de Hualien, na zona leste do território insular.

Um dos casos é o Hotel Tongshuai, cuja estrutura colapsou. As autoridades indicaram que cerca de 30 pessoas estarão dentro do hotel e que as operações de resgate já foram iniciadas.

O sismo foi registado por volta das 23:50 hora local e o epicentro (zona da superfície terrestre onde a intensidade de um abalo sísmico é mais elevada e onde este alcançou em primeiro lugar o nível do solo, fica localizada por cima do hipocentro) foi localizado a cerca de 20 quilómetros a nordeste da cidade de Hualien, junto do oceano Pacífico, segundo informou o gabinete central de meteorologia de Taiwan e o Serviço Geológico dos Estados Unidos (USGS).

O governo de Taiwan, citando informações do serviço de bombeiros, relatou que outro hotel também sofreu danos, mas sem adiantar mais pormenores, nomeadamente sobre eventuais vítimas.

Também foi avançado que o Hospital Nacional de Hualien sofreu igualmente danos.

O USGS, organismo norte-americano que é uma referência a nível mundial em matérias sismológicas, precisou que o sismo foi registado a uma profundidade de cerca de 9,4 quilómetros.

Nos últimos três dias foram registados mais de 20 movimentos sísmicos diários e o sismólogo Lee Chyi-tyi, da Universidade Central de Taiwan, referiu, na segunda-feira, que a ilha entrou num ciclo sísmico de 100 anos.

No século XX, a ilha de Taiwan, que a China considera ser parte integrante do seu território, registou dois sismos de magnitude 8,0. Um ocorreu em 1910 ao largo da costa de Yilan, enquanto o outro foi registado em 1920 ao largo da costa de Hualien.

Alguns sismólogos em Taiwan afirmam que será provável o registo de sismos de magnitude 8,0 em torno da Fossa Ryukyu, uma fenda geológica que se encontra a entre 500 e 600 quilómetros de Hualien, dentro de 10 anos.