Grupo Sousa reforça liderança em Cabo Verde

Quota no transporte de mercadorias já é superior a 50%

21 Set 2018 / 09:34 H.

O Grupo Sousa, na sua estratégia de internacionalização, abre a partir de Outubro uma nova rota, Algeciras/Mindelo/Praia/Tanger/Algeciras, serviço que fará através do seu armador PCI e a que chamou de ALVER, recorrendo a um navio com capacidade de transporte de 887 Teus nominais, com uma frequência de 14 dias, realizando ligações em 4 dias.

Depois da linha Morabeza com a rota Las Palmas/Sal/Boa Vista/Las Palmas,o Grupo Sousa coloca um segundo navio em operação que não toca na sua rota qualquer porto português.

O Grupo Sousa que já é líder de mercado no transporte de mercadorias para Cabo Verde, com uma quota superior a 50%, reforça a sua oferta com a nova rota e com um navio com a capacidade de 887 contentores, concorrendo assim com a Maersk (o maior armador do Mundo), a Boluda de Espanha e a Transinsular.

Como curiosidade 3 dos 4 navios que o Grupo Sousa utiliza nestas linhas não conseguem operar para a Madeira porque são demasiado grandes e não podem entrar no porto do Caniçal que tem um limite máximo de 130 metros de comprimento e 7,5 metros de calado máximo.

No início do ano o Grupo Sousa viu confirmada a entrada pela primeira vez no “TOP 100” da Alphaliner relativo aos armadores mundiais com maior capacidade para o transporte marítimo de contentores. Aparece neste momento na 94.ª posição do ranking, com uma frota de sete navios e com uma capacidade total de 6,271 TEUs, juntando a frota de navios operada pela PCI (Portline Containers International), ENM (Empresa de Navegação Madeirense) e Boxlines.

Outras Notícias