Treinador do Marítimo quer equipa a “tentar controlar o Sporting e responder sempre que possível”

06 Jan 2018 / 14:22 H.

O treinador do Marítimo, Daniel Ramos, disse hoje que espera obter um resultado positivo, apesar do “cenário complicado” de enfrentar o Sporting, no domingo, em Alvalade, para a 17.ª jornada da I Liga portuguesa de futebol.

“Primeiro que tudo, espero ter um resultado positivo, sabendo que é extremamente complicado, porque o Sporting, além de forte, está competente em casa, onde não perdeu. Apesar das dificuldades que temos neste momento, não nos retira a ambição e a legitimidade de pensar que podemos ter um resultado positivo”, começou por referir, na conferência de imprensa.

Para o desafio diante do conjunto ‘leonino’, Daniel Ramos já tem uma estratégia definida e considera que a união do grupo será essencial para poder sair de Lisboa com pontos na bagagem.

“Na adversidade, procura-se a oportunidade e vamos tentar, dentro das nossas possibilidades, fazermos o jogo que queremos. Tentar controlar o Sporting e responder sempre que possível. Vai ser preciso um coletivo forte, um sentido de entreajuda muito bom, boa agressividade no jogo, grande disponibilidade da parte de todos, estarmos atentos e controlarmos um jogo muito pensado do Sporting”, destacou.

Num jogo em que o técnico salientou que os madeirenses têm de estar a um nível elevado, tanto em termos defensivos como ofensivamente, aspetos específicos como a finalização ganham importância e a mensagem já foi passada aos jogadores.

Os ‘verde rubros’ já enfrentaram o conjunto de Jorge Jesus esta época em Alvalade, para a Taça da Liga, e o encontro acabou empatado (0-0), o que reforça a esperança dos insulares.

“É um indicador, apesar das equipas diferentes. Muitas alterações nas duas equipas e são jogos diferentes. Certo é que resultou num empate. Porque não outra vez? É saber que é difícil e que o normal é o Sporting vencer, mas é também saber que podemos fazer bem a nossa tarefa”, comentou.

Mesmo com várias ausências, Daniel Ramos elogiou o seu plantel, considerando “espetacular” a resposta dos jogadores “humildes e trabalhadores” e que a consciência está “tranquila” pela vontade e pelo trabalho feito nos treinos e nos jogos.

O Marítimo, sexto classificado com 27 pontos, visita o Sporting, segundo com 40, pelas 18:00 de domingo.

Outras Notícias