Instituições bancárias alvo de buscas da PJ e do Ministério Público

16 Jan 2020 / 12:38 H.

A Polícia Judiciária e o Ministério Público iniciaram hoje 15 buscas a 15 instituições bancárias e sedes de empresas por suspeitas de crimes de burla qualificada, branqueamento e fraude fiscal qualificada, indica uma nota da Procuradoria-Geral da República.

Segundo a nota, “estão a ser levadas a efeito, esta quinta-feira, várias diligências para cumprimento de 15 mandados de busca e apreensão em instituições bancárias, na sede social de uma associação, em domicílios e em sedes de empresas”.

O inquérito-crime tem subjacente factos susceptíveis de “enquadrar a prática de crimes de burla qualificada, branqueamento e fraude fiscal qualificada”.