Falta de combustível nos aeroportos de Lisboa e Faro pode afectar a Madeira

Lisboa /
16 Abr 2019 / 11:36 H.

A ANA Aeroportos de Portugal informa, através de comunicado, que o Aeroporto Humberto Delgado, em Lisboa, poderá atingir as reservas de emergência de combustível, uma vez que o abastecimento pela empresas petrolíferas será suspenso a partir das 12 horas.

Desta forma, a operação aeroportuária poderá ser comprometida, afectando os voos previstos para esta tarde com destino a várias cidades, incluindo o Funchal.

Já ontem o Aeroporto de Faro atingiu as reservas de emergência de combustível, estando o fornecimento suspenso pelas empresas petrolíferas, desde ontem à noite.

“Não tendo sido assegurados os serviços mínimos, e em função do tempo necessário para a requisição civil ter efeitos práticos, os nossos aeroportos podem ter disrupções de serviço ao nível operacional”, refere a ANA, salientando estar a acompanhar a situação em permanência.

Pede ainda aos passageiros com voos nos aeroportos de Lisboa e Faro para informar-se junto das companhias aéreas.

“A ANA, sendo totalmente alheia a esta situação, lamenta o transtorno causado aos passageiros e espera que a situação seja resolvida com a máxima urgência pelas autoridades competentes”, diz a mesma nota.

Outras Notícias