Jovens de Câmara de Lobos já podem participar no Prémio Infante D. Henrique

Pedro Coelho e D. Duarte Pio assinaram hoje a licença de funcionamento que autoriza e regula o Programa do Prémio

13 Nov 2019 / 13:47 H.

A Câmara Municipal de Câmara de Lobos formalizou, ao final da manhã, a assinatura da licença de funcionamento que autoriza e regula os termos do programa de educação não formal do Prémio Infante D. Henrique, numa cerimónia realizada no Salão Nobre dos Paços do Concelho com a presença do Duque de Bragança, Dom Duarte Pio, fundador e Presidente de Honra deste prémio em Portugal.

A participação dos jovens do concelho de Câmara de Lobos está assim assegurada, devendo, para tal, desenvolverem quatro secções obrigatórias: Serviço Voluntário onde aprendem a prestar serviço aos outros; Desporto como forma de adquirem um desenvolvimento físico e hábitos desportivos; Talentos com vista à descoberta, aquisição e desenvolvimento de competências e Aventura, onde será privilegiado o trabalho em grupo, a tomada de decisões e onde se destacam qualidades de liderança, responsabilidade e maturidade.

Este prémio é a versão portuguesa do ‘The Duke of Edinburgh’s International Award’, fundado em 1956 pelo Duque de Edinburgo. Em Portugal, o Prémio foi fundado em 1988, no Porto, por Dom Duarte, Duque de Bragança, que para além de Fundador é Presidente de Honra.

O Programa subjacente ao Prémio visa o “desenvolvimento pessoal e social de actividades voluntárias e não competitivas, destinado a jovens entre os 14 e os 25 anos, encorajando-os a desenvolverem-se como cidadãos activos, participativos, com uma contribuição positiva na sociedade e preparando-os com experiências de vida para marcar a diferença com eles próprios, as suas comunidades, e o mundo”.

Outras Notícias