Escola Francisco Franco debate amanhã ‘Segurança Alimentar’ e ‘Saúde e Bem-Estar’

15 Out 2019 / 11:38 H.

A Escola Secundária Francisco Franco assinala amanhã, 16 de Outubro, o Dia Mundial da Alimentação com debates sobre ‘Segurança alimentar’ e ‘Saúde e bem-estar’.

O primeiro tema, agendado para as 10 horas, na sala de sessões da Escola, terá como oradores Rafaela Fernandes, inspectora máxima da Autoridade Regional das Actividades Económicas (ARAE), e Eusébio Temtem, também inspector da ARAE, que se vão debruçar sobre questões relacionadas com ‘Segurança e desperdício alimentar’.

À mesma hora, mas no Sótão da Biblioteca, o médico Daniel Neto falará aos alunos sobre ‘Saúde e Bem-estar’, temática que se insere no âmbito da Cidadania e Desenvolvimento.

O debate sobre ‘segurança alimentar’ surge também para assinalar o décimo aniversário do curso de Técnico de Controlo de Qualidade Alimentar, curso de educação e formação, que já formou centenas de alunos.

Apesar deste curso proporcionar a conclusão do ensino secundário, a realidade demonstra que todos os anos, mais de 50 por cento dos alunos que o frequenta acaba por ingressar no ensino superior.

Enfermagem, Educação Física e Desporto, Psicologia, Fisioterapia, Nutrição, Veterinária, Biotecnologia, Ciências médicas, Medicina dentária têm sido as áreas mais procuradas, revela a escola.