Enviadas 60 manifestações de apoio ao Centro Internacional de Negócios da Madeira

16 Abr 2019 / 19:52 H.

Até ontem foram registadas 60 manifestações de apoio ao Centro Internacional de Negócios da Madeira (CINM), no âmbito do repto lançado pela ACIF-Câmara de Comércio e Indústria da Madeira.

Este número foi divulgado hoje por esta organização, quem, recorde-se, no âmbito do procedimento de investigação ao CINM, espoletado pela Comissão Europeia, enviou na passada sexta-feira, dia 12 de Abril, a sua argumentação em defesa da praça madeirense.

Atendendo a que um dos pontos da argumentação apresentada tem a ver com a relevância que este instrumento tem para a economia regional, a ACIF-CCIM lançou um repto às empresas regionais e aos seus colaboradores para também manifestarem o seu apoio e testemunharem a importância que o CINM representa na sua actividade. Assim sendo, até ontem, data limite imposta pela Comissão Europeia, foram registadas 60 manifestações de empresas, colaboradores e até confederações empresariais, como foi o caso da CIP – Confederação Empresarial de Portugal e a CCP – Confederação do Comércio e Serviços de Portugal.

Outras Notícias