Comité Paralímpico de Portugal distingue Funchal com Prémio Inclusão pelo Desporto

02 Out 2019 / 12:00 H.

O vereador João Pedro Vieira, que tem o pelouro do Desporto na Câmara Municipal do Funchal (CMF), recebeu, em nome do Município, o Prémio Inclusão pelo Desporto, atribuído pelo Comité Paralímpico de Portugal, na cerimónia do 11.º aniversário deste organismo, que se realizou em Portimão.

O Funchal foi distinguido, na ocasião, pelos serviços prestados em prol do desenvolvimento do Movimento Paralímpico e da promoção da inclusão através do desporto para pessoas com deficiência, na presença do Presidente do Comité Paralímpico de Portugal, José Manuel Lourenço, e do Presidente do Instituto Nacional para a Reabilitação, Humberto Santos.

João Pedro Vieira enalteceu “o grande significado desta distinção atribuída ao Município pelas boas práticas que temos vindo a implementar, procurando a inclusão de todos na prática desportiva”, e reforçou que “este prémio resulta de várias iniciativas muito concretas promovidas ou apoiadas pela CMF ao longo dos últimos anos, que traduzem de forma clara o empenho do Município nestas causas e toda uma política desportiva e de inclusão que adequa as palavras aos actos”.

O vereador recordou que, “desde 2015, o município tem vindo a dinamizar um diversificado rol de actividades, tais como o ténis de mesa inclusivo, ou a modalidade de voleibol sentado, em iniciativas mensais como os Domingos Actidos na Placa Central, numa acção concertada cujo primeiro ponto alto decorreu em 2016, quando o Funchal acolheu um primeiro grande evento internacional, nomeadamente o Campeonato Europeu de Natação Adaptada”.

“Este é um percurso que teve, sem dúvida, o seu expoente máximo no ano passado, com a afirmação do Funchal à escala internacional, como uma cidade preparada para acolher grandes eventos e vocacionada para a inclusão pelo desporto. Em 2018, acolhemos, assim, o Campeonato do Mundo de Síndrome de Down e ainda a Taça do Mundo de Paratriatlo, que voltaremos a receber este ano, isto além de termos recebido as comemorações do Dia Paralímpico Nacional 2018, num conjunto muito relevante de iniciativas que nos valeram este reconhecimento do Comité Paralímpico de Portugal”, sustentou.

João Pedro Vieira acrescentou que “para além de grandes eventos como estes, a CMF também apoia muito concretamente projectos desportivos de inclusão social, de que são exemplo os campeonatos de futebol da Associação Criamar e os campeonatos de futebol de rua, sendo que a acção da CMF a este nível tem vindo a sensibilizar os munícipes para a importância das práticas de inclusão”.

Como exemplo apontou o projecto vencedor da Assembleia Municipal Jovem, em 2018, que passou pela adaptação de um espaço municipal para a prática do Boccia, tendo a CMF adaptado, para o efeito, o Ginásio Municipal de São Martinho, e adquirido todo o material desportivo necessário para a prática dos atletas.

“Todas estas iniciativas reflectem o carácter do município do Funchal enquanto Município Amigo do Desporto Para Todos, sendo de enaltecer, acima do contínuo reconhecimento nacional e internacional que temos tido, os impactos que estas políticas têm tida para as pessoas que delas beneficiam”, concluiu o autarca.