Mundo

Pelo menos 14 pessoas morreram queimadas em acidente com autocarro no Paquistão

None

Pelo menos 14 pessoas morreram e outras quatro ficaram gravemente feridas na explosão de depósito de gasolina de um autocarro, após o veículo ter colidido com outro automóvel no noroeste do Paquistão, anunciou uma fonte policial.

O acidente ocorreu hoje pela manhã nas proximidades da cidade de Karak, na província de Khyber Pakhtunkhwa, quando, durante uma ultrapassagem, o autocarro embateu num carro que viajava na direção oposta, provocando a explosão e um incêndio posterior, disse um porta-voz da Polícia da Cidade, Gulab Khan, à agência noticiosa espanhola EFE.

A fonte disse que 14 pessoas morreram queimadas dentro do autocarro, enquanto outras quatro ficaram gravemente feridas e foram levadas para um hospital em Karak.

O Paquistão tem um dos maiores índices de acidentes de trânsito no mundo devido ao mau estado das suas estradas, as deficiências em veículos e transportes públicos, estes frequentemente sobrelotados com passageiros.

No final de janeiro, 27 pessoas morreram, incluindo nove crianças, e outras 13 ficaram feridas quando um autocarro se incendiou após colidir com um camião no sul do país.

Num dos mais graves acidentes de trânsito, ocorrido em 2017, pelo menos 180 pessoas perderam a vida na explosão de um camião cisterna carregado de gasolina.

Num outro acidente anterior, ocorrido em 2015, 62 pessoas morreram queimadas depois de um autocarro lotado de passageiros ter colidido com um camião que transportava gasolina, no sul do Paquistão.