Programa para desempregados empreendedores já apoiou centenas com 3,6 M€

29 Nov 2017 / 16:59 H.

Desde o início do ano e em 11 meses, o Programa de Estímulo ao Empreendedorismo de Desempregados (PEED), promovido pelo Instituto de Emprego da Madeira, já aprovou 65 projectos com 119 novos postos de trabalho, equivalendo a apoios de quase 1,2 milhões de euros.

Hoje, apoios a mais 12 projectos, que tiram do desemprego mais 19 pessoas, foram assinados no auditório da Secretaria Regional da Inclusão e Assuntos Sociais.

Segundo a secretária regional, Rita Andrade, desde que o Governo tomou posse, em Abril de 2015, centenas de projectos que incentivam os desempregados a serem empreendedores já receberam cerca de 3,6 milhões de euros, resolvendo “muitos problemas”. E frisou: “Temos muito gosto em ver estas caras, que são inspiradoras, todas elas pessoas que deram um passo em frente. Depois de terem passado pelo problema do desemprego, passam a ter uma oportunidade e um desafio que é uma empresa. Há um forte investimento e uma forte aposta para que, aquelas pessoas que tenham as condições para o fazer - não direi que todos podem ser empresários -, os que estão aqui demonstraram, perante critérios exigentes e rigorosos, que apostamos em projectos viáveis e que nos dêem algumas garantias de continuidade.”

A presidente do IEM, também salientou a importância deste projecto, frisando inclusive que o Instituto prepara uma aplicação a inserir no seu site onde se poderá conhecer, caso a caso, localização e actividade, cada um dos projectos empreendedores já apoiados e que serão apoiados no futuro.