Missa de Nossa Senhora do Monte com mensagem de “esperança”

Monte /
15 Ago 2018 / 12:22 H.

“A nossa vinda ao Monte é na verdade uma peregrinação e é próprio de quem peregrina estar sempre em saída e disposto a acolher os acontecimentos, mesmo quando têm marca da dor e do sofrimento, como aquele que no ano passado neste mesmo dia de festa fez 13 vitimas mortais e muitos feridos”.

Foram as primeiras palavras do bispo do Funchal, durante a homilia na celebração eucarística em honra de Nossa Senhora do Monte.

D. António Carrilho sublinhou que, apesar do “grande sofrimento das famílias”, “nós não podemos refazer a história a evitar os seus momentos dolorosos” e preferiu deixar uma mensagem de esperança aos fiéis reunidos hoje na eucaristia.

Toda a realidade exige sempre da nossa parte uma atitude, que em vez de ser de mera resignação ou de revolta, pode e deve ser de abertura à esperança e de compromisso com a vida”, reiterou o bispo.

Outras Notícias