Socicorreia conclui 1.ª fase de investimento de 26 Milhões no Caminho da Fé

09 Dez 2019 / 13:04 H.

A Socicorreia acaba de concluir no Caminho da Fé, Funchal, a 1ª fase de um investimento total de €26M num empreendimento constituído por 3 blocos, dois de habitação e um terceiro que possui também espaços comerciais.

Esta 1ª fase diz respeito à conclusão de um primeiro edifício, o Século XXI 13, sucedendo-se o edifício Século XXI 14, numa 2ª fase, para conclusão no verão de 2020.

O Edifício Século XXI 13 é inaugurado já esta sexta-feira, dia 13 de dezembro, e é composto por 42 apartamentos. Está já em curso a obra do segundo edifício, que será composto por 36 fracções, e a 3ª fase com 12 fracções e espaços comerciais. Os empreendimentos estão inseridos num espaço de condomínio fechado, com piscina, zona de jardim, solário, parque infantil e equipamento fitness ao ar livre – que entra já em funcionamento. A terceira fase arranca no início do próximo ano.

Todo o empreendimento está dotado de várias infraestruturas cedidas para utilização na via pública, nomeadamente um arruamento público com amplas áreas verdes para envolvimento da comunidade nos novos espaços, num total de mais de 3.000m2 para utilização colectiva; foi ainda efectuado o alargamento do arruamento do Caminho da Fé e criados 44 lugares de estacionamento público.

“A Socicorreia afirma a cada dia a sua liderança e presença no arquipélago da Madeira, graças a toda uma exigência que colocamos em todos os nossos projectos, começando pela sua localização, mas também pela diferenciação e excelência, na qualidade dos materiais utilizados, critérios basilares para a Socicorreia”, afirma Custódio Correia, CEO do Grupo.

A empresa vê assim consolidado o seu posicionamento pela aposta na inovação em soluções arquitectónicas e de engenharia, que estabelecem o vínculo ideal entre a modernidade e a sofisticação.

A inauguração do novo edifício contará com a presença do Presidente do Governo Regional da Madeira, Miguel Albuquerque e o Presidente da Câmara Municipal do Funchal, Miguel Gouveia.