Cristiano Ronaldo, Danilo Pereira e Nani candidatos a golo do ano da UEFA

26 Jul 2019 / 18:08 H.

Cristiano Ronaldo, Danilo Pereira e Nani são finalistas, numa votação aberta a todos os adeptos, para o golo da época da UEFA, juntamente com mais sete futebolistas, entre os quais o argentino Lionel Messi.

O capitão da selecção portuguesa é candidato com um golo marcado ao serviço da Juventus frente ao Manchester United -- golo esse que foi, de resto, eleito o melhor da última edição da Liga dos Campeões.

A jogada inicia-se com um lançamento longo e por alto do internacional italiano Leonardo Bonnuci, da linha de meio-campo, a solicitar a desmarcação de Cristiano Ronaldo, que, em plena área dos ‘red devils’, aplicou um remate de primeira, sem deixar a bola cair, batendo o guarda-redes espanhol David De Gea.

A candidatura de Nani decorre do golo que marcou pelo Sporting ao Qarabag, do Azerbaijão, para a Liga Europa, na sequência de uma jogada colectiva que culmina com vários dribles do internacional português a adversários que lhe surgem pelo caminho e com um remate fora do alcance do guarda-redes.

Já Danilo Pereira, é candidato pelo golo que marcou frente à Sérvia, no Estádio da Luz, em jogo de qualificação para o Europeu de 2020, com um remate a 25 metros da baliza que fez a bola embater na base da barra antes de entrar, sendo o único dos 10 finalistas marcado ao serviço de uma selecção nacional principal.

Os outros candidatos são David Faupalla, ao serviço do Appolon, de Chipre, Enzo Millot, pela selecção sub-17 de França, Sarr, do Rennes, Rakitic e Messi, do FC Barcelona, Katerina Svitkova, do Slávia de Praga, e Pedro Rodriguéz, do Chelsea.