Costinha assume responsabilidade na pesada derrota do Nacional frente ao Benfica

10 Fev 2019 / 20:36 H.

O treinador do Nacional, Costinha assumiu responsabilidade pela pesada derrota frente ao Benfica. “Não sei se é o pior dia [da minha carreira]. As minhas primeiras palavras vão para os adeptos, que não merecem este resultado, nem esta humilhação. A minha equipa fez tudo mal, fomos punidos e o principal responsável sou eu. É mais pelo peso dos 10-0, mas, na prática, são três pontos”, disse no final do jogo. “Há mérito do Benfica, mas há muito demérito nosso. Explicações? Temos que tentar encontrá-las, perceber o que não correu bem, se a mensagem passou devidamente ou não, mas é difícil quando se perde por 10-0”, acrescentou ainda, afirmando que “os dois primeiros golos deram a tranquilidade ao Benfica. Trabalhámos a importância do Grimaldo pelo corredor, mas a minha equipa foi apática em alguns lances. A segunda parte não tenho palavras para descrever, foi horrível”.

Sobre se tem condições para continuar no comando técnico, preferiu não tecer comentários:“O presidente é que tem de responder. Ele sabe o que vai na minha cabeça, o que transmiti. Pelo meu lado, a minha força, caráter e personalidade não vão fragilizar”, disse.

Tópicos

Outras Notícias